Sábado 7:27 last man standing, barely and not for long

amanha é horário de verão, então tem uma hora a menos de sono esta noite, em todas as casas normais as pessoas dormem mais no dia anterior, mas aqui não! aqui somos Sparta !

Eis que eu abro os olhos, 5:15 da manha. CINCO E QUINZE do sábado… mas virei pro lado e pensei em enrolar. Quando são 5:45 abre a porta meu amigo com o balão de led, todo animado.

Pula na cama e jogando o balão como uma peteca, olha pai! Balão cai na minha cara, eu digo: poxa filho, é assim que eu te acordo ? você quer que eu fique bravo de manha cedo ?

Ele: “não papai”

Viro pro outro lado, tento respirar fundo ele diz:

-“papai, me dá atenção!”

Filho, esta muito cedo. Eu deixei uma torrada na mesa, vai lá comer se você estiver com fome.

-“não, quero ficar aqui com você”

Eventualmente ele vai pra sala, sem deixar a gata vir miar na minha orelha.

ufa, respiro fundo algumas vezes, e vou pro trono começar o dia. Ledo engano, ele volta, me procura no quarto, não me acha, abre a porta do banheiro.

– “papai, preciso fazer coco”

Tem aqui o pinico pra estas horas.

-“não, quero no vaso, o pinico não é confortável”

diz isto, entra no banheiro, arrasta o banco que ele usa pra acessar a pia, e deita a cabeça no meu colo

eu penso “onde está a câmera de TV ? deve ser pegadinha…”

decido dar o trono pro rapaz e ir fazer a vitamina.

As maiores declarações são do trono, não sei se é quando ele pensa mesmo o quanto me ama, ou é pra me subornar pq em alguns instantes vou limpar uma bunda suja.

-” papaaaai, eu te amo todos os planetas do céu, todas as cidades e países da terra”

-“acabeeeei” (é a senha pra eu ir lá limpar…)

fiz a vitamina, tomamos café, fomos na academia. Almoçamos em casa e saímos de trem pra visitar um amigo.

Com um pouco de Sol a galera aparece, eu não sei de onde sai tanta gente, pq no inverno não vejo quase ninguém.

Ele e o amigo de balance bike, dentro de uma fonte (seca) andando bem rápido, eu conversando com a mãe do amigo.

Eu sou introvertido, mas converso olhando nos olhos, acho estranho as pessoas que conversam e não olham. Mas quando estou num parque com meu filho, converso com a outra pessoa olhando meu filho.

Eis que ele experimenta o poder da física, curva muito rápida, forca centrifuga. Rala o joelho (estava de mijão e calca), cotovelo (camiseta, moleton e casaco) e mão. Olha pra mim e abre o bocão.

Dai eu levanto calmamente (leiam este artigo explicando como os introvertidos se saem melhor em situacao de caos), mantendo eye contact, ele com o bocão aberto estica a mão pra mim. ( buááááááááá).

Uma mulher mais perto dele, se levanta e vira na direção dele.

Eu, mantendo o olhar nele, uso meu poder de Jedi e mentalizo pra mulher: ” meu filho, cuida da sua vida que eu estou aqui”

Pensa comigo: 1. ele já caiu; 2. estou indo e passando pra ele calma e tranquilidade; 3. eu vi acontecendo, eu sei que ele apenas ralou. Vou sair correndo e gritando pra que ? deixar ele com medo da minha reação ?

Fico em posição de cavaleiro ( joelho direito no chão, pé esquerdo no chão, com o joelho esquerdo em 90 graus), ponho ele na perna esquerda.

Buááááááááá, tá doeeeeeendo….

Filho, respira.

Eu vi, você correu muito e a bicicleta escorregou, né?

-“foi, este buraco que fez escorregar”, “ta doendo”.

seca as lagrimas, faz carinho no joelho, cotovelo.

Poxa, quando a gente vai de bicicleta de pedal colocamos a joelheira pra isto. Fez igual o mcqueen na pista de areia, né ?

-“foi.. snif, snif”

Vamos ver se o amigo quer ir pra um parquinho ou pra casa dele ?

-“sim”

Fomos pra um parquinho, pra outro parquinho, correu, pulou, quando ficou mais friozinho fomos pra casa dele.

Comemos um lanche, estava uma delicia ( a mãe é leitora do blog, então vou elogiar publicamente … kkk )

Brincou (brincaram) super direitinho.

Voltamos pra casa, comemos outro pedação de bolo ( ganhamos marmita ) , tomou banho, deitou comigo na minha cama, tava carente (inferno astral dele), capotou.

O balão de led ainda esta com pilha ( mutha fucka) … tirei do quarto pq se ele acordar amanha, não vem com o bagulho na minha cama/cara …. kkk

8:08 da noite e eu caindo de sono ….. vida de paterno.

 

 

 

 

 

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s